Embora não seja uma doença popularmente conhecida, a Doença de Crohn acomete mais de 150 mil pessoas por ano, com sintomas graves, muitas dores e muito desconforto. Não há cura e, em muitos casos, os tratamentos tradicionais não são capazes de melhorar as dores dos pacientes. O que tem ajudado muitas pessoas é a Cannabis, que fortalece o sistema regulador do organismo. Neste texto você poderá ler sobre a Cannabis para Doença de Crohn, como é o tratamento e como é a ação da erva.

A Doença de Crohn

A Doença de Crohn é uma doença inflamatória intestinal, que prejudica o funcionamento do sistema digestivo, especialmente do intestino delgado e do cólon. Essa é uma doença grave e compromete toda a parede intestinal da pessoa.

Os principais sintomas causados são: diarreia, dores abdominais, náusea, perda de apetite e peso, além do risco de desenvolver câncer de intestino.

Apesar de pouco conhecida, a doença afeta somente no Brasil, mais de 150 mil casos por ano.

A causa específica da Doença de Crohn ainda é desconhecida, mas a desregulação do sistema imunológico é apontada como a principal causadora, ou seja, a doença pode estar associada ao comprometimento do sistema de defesa do organismo. Além disso, fatores genéticos, ambientais, dietéticos e infecciosos podem desencadear a doença.

Homens e mulheres podem, igualmente, sofrerem da doença e a incidência é maior nas pessoas entre 20 e 40 anos, especialmente em fumantes. A Doença de Crohn é um fator de risco para o câncer de intestino, já que compromete o funcionamento do órgão.

Embora haja tratamento, não há cura definitiva para a doença, mesmo com acompanhamento e uso de medicamentos, o paciente ainda pode sofrer com crises e dores. O tratamento varia de acordo com a fase de evolução da doença, e busca controlar a inflamação, aliviar os sintomas, prevenir novos crises e corrigir as deficiências nutricionais. Se o paciente não responder ao primeiro tratamento, é feito um outro tratamento com drogas imunossupressoras, mas, a consequência são os efeitos colaterais adversos. Na maioria dos casos, a intervenção cirúrgica é indicada em quadros graves de obstrução intestinal, doença perineal, hemorragias e fístulas.

Como a Cannabis age nos pacientes

Os endocanabinoides que temos em nosso organismo e que fazem parte do sistema responsável pela regulação da nossa saúde e do nosso organismo de forma geral são muito parecidos com os canabinoides, da Cannabis. Esse sistema atua também no controle da inflação do intestino.

A eficiência da Cannabis, então, para os pacientes com a Doença de Crohn acontece porque uma das formas do nosso organismo “combater” a inflamação no intestino é por meio desse sistema endocanabinoide, presente em várias partes do corpo, inclusive no intestino. Quando o paciente faz uso da Cannabis, as substâncias da erva ajudam a fortalecer esse organismo e com isso combater a inflamação causada pela doença.

As pesquisas

Pesquisadores da Universidade de Massachusetts e da Universidade de Bath descobriram que quando há o uso da Cannabis, as moléculas de canabinoides cumprem o mesmo papel do nosso sistema endocanabinoide, e age de forma anti-inflamatória.

Em um estudo com 30 pacientes, os pesquisadores observaram que a Cannabis medicinal foi associada à melhora da atividade da doença e redução no uso de outros medicamentos. Em um estudo mais recente, pacientes fizeram tratamento com Cannabis e o outros grupo usou placebo. Nos pacientes que usaram a Cannabis, houve diminuição no índice de sintomas e crises da doença.

O estudo ‘Cannabis induz uma resposta clínica em pacientes com Doença de Crohn: um estudo prospectivo controlado por placebo’, publicado em 2013, acompanhou 21 pacientes em nível avançado da doença, uma parte do grupo fez uso de cigarros de Cannabis por 8 semanas, com concentração especial de THC, o outro grupo fez uso de placebo. Os pacientes tratados com Cannabis tiveram redução da inflamação, além do relato dos pacientes de terem melhora na qualidade de vida em diversos aspectos, especialmente no apetite e sono.

Para continuar lendo sobre o uso medicinal da Cannabis, clique aqui (https://plantandobem.com.br/cannabis-para-o-tratamento-da-enxaqueca/) e leia sobre o tratamento com Cannabis para enxaqueca e dores de cabeça. E se gostou desse conteúdo, compartilhe com os amigos.

Fontes:

https://drauziovarella.uol.com.br/doencas-e-sintomas/doenca-de-crohn/

https://gastro.com.br/geral/doenca-de-crohn-afeta-milhoes-de-pessoas-ao-redor-do-mundo/

https://super.abril.com.br/saude/cannabis-pode-fazer-bem-ao-intestino-diz-estudo/


Leave a Reply

Your email address will not be published.