A psoríase é uma doença autoinflamatória que acomete mais de cinco milhões de pessoas no Brasil. A enfermidade ainda não tem cura e é responsável por tirar a qualidade de vida dos pacientes. Pesquisadores já identificaram que a Cannabis para a psoríase é capaz de ajudar nos sintomas da doença.

Para o tratamento da psoríase, a substância da Cannabis medicinal utilizada é o CBD (canabidiol). O óleo produzido a partir do CBD já é muito utilizado na indústria de cosméticos e outros produtos para a pele, isso porque os ácidos graxos presentes, como o ômega-3 e o ômega-9, ajudam a hidratar a pele e impedir o ressecamento da pele.

O que é a psoríase?

A psoríase causa lesões cutâneas localizadas ou generalizadas, que provocam coceira e dor. Segundo dados da ONG Psoríase Brasil, a doença acomete mais de 125 milhões de pessoas no mundo todo e, no Brasil, são mais de cinco milhões de portadores.

A psoríase é uma doença autoinflamatória que causa o aparecimento de lesões na pele e que descamam. A doença está ligada a fatores genéticos, mas também fatores ambientais ou de comportamento podem fazer a psoríase acometer uma pessoa. Problemas no sistema imune do nosso organismo podem levar a doença, que está ligada a produção de sustâncias inflamatórias pelos linfócitos T, por isso a doença é autoinflamatória, o próprio corpo produz essas células que levam a dilatação dos vasos sanguíneos e células do sistema de defesa do organismo para a pele.

Embora possa acometer pessoas de qualquer idade, a psoríase é mais comum entre os 50 e 70 anos. Estudos mostram que entre 10 e 30% das pessoas com psoríase podem sofrer ainda da artrite psoriásica, que leva a problemas nas articulações, podendo levar o paciente a não conseguir realizar atividades do dia a dia. Além disso, pacientes com psoríase podem sofrer de outras doenças graves, como doenças cardiovasculares, síndrome metabólica, doença inflamatória intestinal e depressão.

Pesquisas com a Cannabis medicinal para o tratamento da psoríase

Segundo estudo publicado no Journal of Life and Environmental Science, os canabinoides do nosso organismo e seus receptores podem ajudar a controlar e diminuir a produção de células cutâneas ligadas à psoríase e outras dificuldades de cicatrização de feridas na pele. Os canabinoides da Cannabis medicinal conseguem se ligar aos canabinoides do nosso organismo e regular o sistema responsável pela imunidade.

De acordo com uma revisão de 2017 da Universidade do Colorado, os canabinoides CBD (canabidiol), CBG e CBN são os principais responsáveis por ajudar no tratamento da psoríase.

Se você gostou desse conteúdo, compartilhe com seus amigos. E comente aqui para nós outros conteúdos que você gostaria de ler aqui no nosso blog.

Para ler mais sobre o tratamento de doenças de pele com os canabinoides, clique aqui. Neste texto você poderá ver os cosméticos que já são produzidos com a Cannabis e também as pesquisas realizadas que comprovam essa eficácia.

Fontes: https://www.sbd.org.br/dermatologia/pele/doencas-e-problemas/psoriase/18/


Leave a Reply

Your email address will not be published.