COMO PLANTAR MACONHA – Os segredos para plantar maconha e ficar livre do prensado

Tempo de leitura: 33 minutos

Como Plantar Maconha – Os segredos que você precisa saber para plantar maconha e ficar livre do prensado

 

Como plantar maconha?

Se você chegou até aqui é porque você está procurando como plantar maconha com segurança. Por essa razão vou compartilhar com você alguns segredos para plantar maconha medicinal, com lindas flores resinadas. Passo a passo, vou revelar tudo que você precisa desde a semente até a colheita.

Você deseja plantar maconha e ter colheitas de flores resinadas? Mesmo começando do zero?

Por essa razão, leia este guia atentamente até o final…

 

Salve salve! Prazer, eu sou o Jean Silva, grower e fundador da Plantando Bem. Nesse exato momento vou compartilhar com você, um passo a passo e 10 segredos para você plantar maconha rápido e com segurança.

Vamos para o passo número 1, saber a diferença entre os tipos de maconha.

1- Como Plantar Maconha: Diferença entre as plantas de maconha: indica, sativa, híbridas e automáticas

Indicas são plantas baixas, com folhas largas e buds(flores) densos e grandes.São mais relaxantes, dão sensação de sono e aquela vontade de ficar mais tranquilo. Perfeitas para a noite e para quem precisa de CBD.

 

Sativas são plantas altas, com folhas finas e buds menos densos. Elas dão uma sensação mais eufórica, energizante e leve. Perfeitas para o dia ou para quem precisa de mais THC.

 

Híbridas são plantas que carregam características das duas espécies, pois são resultado da cruza de ambas.

 

Automáticas são plantas que florescem mais rápido, em cerca de 2 a 3 meses elas fazem o ciclo completo, independente do fotoperíodo. Essas plantas são híbridas e podem ter características das plantas indicas e sativas.

 

Macho e fêmea

 

As plantas fêmeas são as melhores e podem ser reconhecidas pelos pistilos, pequenos “pelinhos brancos” que saem entre os nós da planta.

As plantas macho podem ser reconhecidas por “bolinhas” ao invés de pistilo. As plantas macho não dão boa colheita e devem ser retirados assim que identificados; para que não polinizem as fêmeas. Se você quiser fazer sementes, nesse caso você deve manter os machos, mas, as flores não terão a mesma qualidade de uma sem semente.

Agora que você já sabe mais sobre as plantas de maconha, vamos começar a plantar realmente. O primeiro passo é você germinar a semente…

 

2- Como plantar maconha: Germinação

 

O primeiro passo para germinar uma planta, é conseguir uma semente de qualidade. Para isso você pode adquirir uma semente em um banco de sementes, que recomendo fortemente, ou você pode pegar a semente de um prensado mesmo.

 

Como saber se a semente do prensado está boa?

 

Basta você fazer o teste do dedo. Coloque a semente entre seus dois dedos, o indicador e polegar e aperte suavemente. Se a semente continuar intacta, ela está boa. Se a semente quebrar, ela está ruim, arrume outra.

 

Agora que você já tem a semente, vamos continuar…

 

A maneira que dá certo para a maioria, é germinar com o papel toalha. Você vai precisar de:

 

  • Semente(s)

  • 2 folhas de papel toalha

  • 1 copo

  • 1 vasilha de plástico com tampa ou 2 pratos

  • Borrifador

  • Água

 

Passo a passo:

 

Pegue primeiro o copo e o encha até a metade com água, logo em seguida, jogue a semente dentro do copo. A semente vai ficar boiando por cima, coloque o copo em um local escuro e arejado (como uma gaveta ou armário). Coloque seu celular para despertar em 12h, e volte para ver como está a semente a cada 12h. Cerca de 24h a 48h depois a semente vai para o fundo do copo e vai começar a aparecer um pequeno pontinho ou pedacinho branco que é o início da raiz.

 

Feito isso, é hora de passar para o papel toalha…

 

Pegue as folhas de papel toalha, cubra o fundo da vasilha (ou prato) com uma das folhas. Em seguida, borrife água na folha de papel, mas sem encharcar muito.

 

Então coloque a semente no papel, cubra com a outra folha de papel e borrife água novamente (sem encharcar).

 

Agora tampe a vasilha (ou prato), coloque em um lugar escuro e com temperatura constante. Pode ser a gaveta novamente, lembrando que a temperatura ideal para germinação é em torno de 25ºC.

 

É muito importante colocar seu celular para despertar a cada 12h e voltar para verificar a sua semente. Abra a vasilha para entrar um novo ar, olhe se o papel continua úmido(se não tiver, molhe mais um pouco) e olhe se a raiz já saiu totalmente.

 

Assim que a raiz estiver com cerca de 2cm é hora de coloca-lá na terra e começar verdadeiramente o seu cultivo indoor.

 

Escolha um vaso pequeno, com uma terra preparada para Cannabis. Faça um pequeno furo no meio da terra e coloque a semente, com a raiz para baixo. Faça um pequeno buraco, apenas o suficiente para cobrir a semente com MENOS de meio cm de terra. Cubra levemente a semente, apenas com um pouquinho de terra.

 

Você pode pular as primeiras etapas e colocar a semente para germinar direto na terra, do mesmo modo que se tivesse colocando a semente com a raiz já para fora. A diferença a taxa de germinação.

 

Pronto a sua plantinha já pode ir para luz. Lembrando que se a sua luz for forte(Hqi ou leds), você deve colocar um pouco afastado da lâmpada.

 

Dica extra:

Não se deve colocar a planta sobe 24h de luz direto.Primeiro, para você economizar, a planta absorve no máximo de 16 a 20 horas de luz por dia. Segundo, colocar uma semente sobre 24h de luz aumenta e muito número de plantas macho.

 

 

3- Como plantar maconha: Crescimento e Fase Vegetativa

 

Uma plantinha com até 15 dias de vida, não vai precisar de muitos nutrientes para viver, por isso, não devemos adicionar nutrientes na terra e também não transplanta lá para uma terra muito rica em nutrientes (se você estiver no orgânico).

 

Até o 15º dia, você deve cuidar da plantinha com 18/6h de luz e água, regando quando o solo estiver completamente seco (mas antes da planta murchar). Você pode usar nessa fase um enraizador e/ou B-52.

Obs: Se você cultiva em solo totalmente inerte ou hidroponia, você deve adicionar nutrientes antes dos 15º dias.

 

Depois dos 15 dias iniciais, sua planta está começando o crescimento acelerado. Você já pode transplantá-la para um vaso maior e começar com os nutrientes da vega, lembrando sempre de iniciar com uma dose baixa e ir aumentando gradualmente.

 

Quando a planta completar de 3 a 5 nós (pares de folhas), você já pode fazer alguma técnica de poda ou amarra.

 

Uma planta que você germinou pode levar de 1 a 2 meses para completar o ciclo de vega. Enquanto um clone, tem a idade da planta mãe, ou seja, já está pronta para florir assim que enraizar(Embora seja recomendado no mínimo 1 mês de vega).

 

Quando a planta estiver pronta para florir, ela vai começar a soltar as pré-flores, que são pequenos pistilos entre os nós da planta.

 

Dica extra: Quanto mais tempo a planta vegetar, maior será a sua colheita. Quanto menos tempo vegetar, mais fácil será de controlar o tamanho da planta.

 

Dica extra 2: Mantenha seu cultivo indoor limpo. Retire qualquer sujeira, folhas velhas, insetos e etc.

 

4- Como Plantar Maconha: Transplante

Com o crescimento da planta, as raízes precisam de mais espaço. É recomendado que você use pelo menos 2 tamanhos de vaso, um pequeno as primeiras semanas de vida, e um maior que você vai usar até a colheita.

Você precisa fazer os transplantes a sombra, com cuidado para não abalar as raízes. O último transplante deve ser feito nas duas últimas semanas de VEGA e a planta mantida nesse vaso até o final.

 

5- Como plantar maconha: Cultivo indoor na floração

Quando alteramos as luzes para 12/12h, vemos a transformação da planta.

 

Que rapidamente dobra de tamanho, começa a soltar suas lindas flores e seu cheiro marcante.

 

Se você tem problemas com o cheiro da planta, essa é a hora de colocar seu filtro de carbono para funcionar.

 

Quando iniciamos a fase de floração, precisamos mudar os nutrientes para flora e ficar atento com os flushs. Pois nessa fase, a planta precisa de mais nutrientes (mais variedade e não quantidade), se você não ficar atento e fizer os flushs, você pode enfrentar um overfert.

 

Logo, após 2 ou 3 semanas sua planta vai ter dobrado de tamanho. Agora é hora de produzir flores no seu cultivo indoor.

 

Após essas semanas iniciais, você precisa fazer uma poda de limpeza. Retirando os pequenos galhos que estão na parte de baixo, com pouca luz. Você tira os galhos que renderia pipoquinhas para que a planta se concentre nas flores maiores.

 

Na fase de floração, as folhas mais velhas começam a amarelar e cair. Não se preocupe, é normal que isso aconteça com algumas folhas. Apenas retire essas folhas velhas para manter o ambiente limpo.  

 

Mas atenção, as folhas podem amarelar por outros motivos, por isso é importante olhar as folhas que você retira, e verificar se não sinal de doenças ou falta/excesso de nutrientes.

 

Também é importante ficar atento a umidade do cultivo indoor. Plantas na floração em ambiente muito úmido, ficam sujeitas a mofos mais fácil.

 

*Atenção, não ignore os mofos(fungos), apesar de você não ver, ele pode estar lá. Mofo é conhecida como a causa número 1 de perda de colheitas.

 

Depois de algumas semanas com você seguindo essas dicas, sua planta começará a ficar com as flores gordas e pesadas, talvez a planta comece a tombar. Se você não usa scrog, terá de colocar estacas para ajudar a segurar o peso das suas flores. Lembre-se de não usar estacas de madeira, pois elas podem carregar mofos(fungos). Recomendo materiais plásticos, como uma canaleta de fios de telefone(sem fita adesiva).

 

Agora já estamos chegando na tão esperada hora da colheita.

Lembre-se de iniciar um flush 1 semana antes da colheita. Isso vai garantir que suas plantas fiquem saborosas e não com gosto amargo de fertilizantes.

Como Plantar Maconha: Colheita

Hora da Colheita

A tão sonhada colheita se aproxima, e eu espero ter ajudado a encher o seu cultivo indoor com belas plantas verdes. Em todo o caso, você agora começou a aprender a habilidade para cultivar cannabis de alta qualidade, mesmo começando do zero. Se as coisas deram muito errado, aprenda com seus erros para acertar na próxima. Informação é poder!

Se tudo correu suavemente nas últimas 8-10 semanas de floração, que é o tempo que a maioria das variedades precisa para florir, é hora da colheita. Desde que você não tenha causado um overfert, você poderá ter belos buds coloridos e cheirosos.

Ao chegar próximo da colheita, pode-se diminuir a quantidade de fertilizantes, ou até mesmo cessar completamente na última semana. Se as plantas amarelarem, é na verdade um bom sinal. As plantas estão sugando as últimas gotas de nutrientes de suas próprias folhas, o que significa menos resíduos de nutrientes nos buds. O resultado será uma colheita mais saborosa.

MANICURE ÚMIDA

Depois de ter a sua colheita. Seus resultados com a colheita vão depender principalmente do número de plantas e do tamanho delas. O método mais comum e o que eu prefiro, é manicurar as plantas com ela ainda “úmida”. Limpando os buds de folhas imediatamente após a colheita.

 

Essas folhas contém THC, portanto, vamos guardá-las para depois fazer uma extração. Para melhorar a qualidade da sua extração, não misture as folhas grandes, com quase nenhum THC e CBD, com as folhas pequenas e cheias de cristais, próximas aos buds.

As folhas grandes podem ser removidas 2-3 dias antes da colheita. Ao fazer isso você torna a manicure ainda mais fácil e rápida, pois não tem mais o trabalho de remover as folhas maiores. Você pode escolher se faz isso ou não. Uma vantagem de remover as folhas maiores mais cedo, por exemplo uma semana antes da colheita, é que os buds menores receberam mais luz.

Com o aumento na quantidade de luz eles podem aumentar de tamanho em uma semana, e amadurecer completamente antes da colheita. Ao manicurar os buds com eles ainda úmidos, é possível fazer uma limpeza mais detalhada do bud do que seria possível com ele já seco. O começo pode ser difícil, mas em dez minutos você se acostuma e já terá encontrado a melhor técnica.

MANICURE SECA

Um segundo método usado é  fazer a colheita e deixar para fazer a manicure com as plantas secas. Nessa técnica, você primeiro permite que as plantas sequem antes de fazer a manicure.

Os galhos são cortados e pendurados na sala de secagem. Secar os buds dessa forma leva um pouco mais de tempo do que com a manicure úmida. É um método usado quando há uma maior quantidade de plantas e menor tempo disponível. Buds secos são mais difíceis de manicurar, e acabam menos limpos. Há uma perda relativamente maior de THC, pois eles se soltam mais facilmente com o bud seco.

Isso é relativo; ainda há uma enorme quantidade presente no bud. Quanto mais seco, mais facilmente ele se desprende. Esse método é usado principalmente em cultivos outdoor. As enormes plantas são penduradas de cabeça para baixo logo após a colheita. Ao se cultivar um grande número de plantas menores no cultivo indoor, esse método também é usado. Não há maneira errada de manicurar, apenas depende do sistema de cultivo que você usar.

ESPAÇO PARA MANICURE

Consiga um espaço adequado, bem ventilado, para fazer a colheita.

Se o seu espaço de cultivo é grande o suficiente, faça isso lá mesmo para aproveitar a ventilação. Se tiver que fazer em um quarto diferente, descobrirá que as plantas exalam um forte cheiro, portanto mantenha a porta fechada, só abrindo para adicionar ou retirar as plantas. Nunca incomode seus vizinhos. Mesmo o cheiro de cannabis fresca, que pode ser divino para os usuários, pode revoltar algumas pessoas. Um pequeno exaustor com filtro de carvão ativado vai manter o cheiro fraco no momento da manicure. Você perceberá que não sente o cheiro porque já está acostumado. Nunca subestime o impacto do cheiro de suas plantas.

SECAGEM

É importante tomar cuidado no final de sua colheita, afinal, após vários meses de trabalho, não se pode perder tudo para o mofo. O local ideal para secar seus buds é escuro e fresco, e seco, entre 16ºC e 22ºC. Importante garantir um clima menos quente, porque os ingredientes ativos precisam de tempo para maturar apropriadamente, para que você tenha um efeito bom ao fumar.

 

É melhor secar a cannabis lentamente por duas semanas após a colheita, ao invés de colocá-las em um quarto quente para acelerar seu processo de secagem. Isso certamente não melhora a qualidade final do produto. Secar rapidamente os buds colocando no microondas ou forno porque você está temporariamente sem cannabis não faz sentido. Eles não apenas irão ter um gosto horrível, como você terá um efeito fraco e desagradável. A cannabis precisa de tempo para obter seu total potencial.

Não é porque está seca que já está pronta para o consumo. Quando colocar seus buds para secar, verifique se o ambiente possui boa circulação de ar. Não é recomendável colocar sobre jornal ou papelão. Existem suportes de secagem especiais, e eu recomendo que você compre um em sua loja de cultivo indoor preferida. Existem suportes com apoios vazados, portanto o ar passa por baixo deles.

 

Papelão ou jornal não são aerados, portanto o lado em contato com o material sempre terá maior dificuldade em evaporar, o que aumenta chances de mofo. Não empilhe os buds, espalhe-os sobre o suporte.

 

Cerca de 75% do bud é formado por água, que irá evaporar no processo de secagem. Nós temos risco de mofo quando essa umidade tem problemas para evaporar.

 

Se você começa com 500 gramas de buds úmidos, você terminará com 125 gramas de buds secos. Temperaturas muito baixas podem fazer com que os buds passem muito tempo úmidos, e isso também aumenta o risco de mofo. Sempre há esporos de mofo flutuando no ar, mas eles apenas se desenvolvem quando você cria as condições adequadas. Ventilação insuficiente, por ficarem em espaços muito pequenos, é a principal causa de problemas nos buds.

Como Plantar Maconha: Cura

Há uma grande diferença entre curar e secar cannabis. Após uma semana alguns buds estão secos, ao passo que os buds maiores precisarão de até duas semanas. Se você tiver buds ainda maiores em seu jardim, eles podem demorar ainda mais alguns dias. Você pode escolher secar o bud inteiro, ou desmontá-lo, pois o bud maior é oriundo da junção de vários buds menores.

O truque para saber se já está seca a cannabis, é pegar um bud e tentar quebrar seu ramo.

Quando o ramo quebrar facilmente, o bud estará seco. Não tente se convencer que os buds estão prontos ao quebrar um bud menor. Todos os seus buds precisam estar adequadamente secos antes de curar. Os buds secos estarão fumáveis após duas semanas.

Elas ainda não estarão com a melhor qualidade, mas terão um bom efeito.

Finalmente, é hora dos primeiros testes, tendo em mente que elas ainda não estão com seu potencial máximo. Uma vez que os buds estejam secos e prontos, é hora do armazenamento e da cura. Agora eles precisam curar por mais duas semanas, o que soma um mês após a colheita.

Graças ao processo de cura, o sabor e os efeitos melhorarão com o tempo. Como mencionado, a cannabis precisa de tempo. Após esse mês o gosto estará muito melhor desenvolvido, embora algumas variedades precisem de mais tempo de cura, para virarem um bud de extrema qualidade. Os buds estarão bons, é claro, mas a cura pode deixá-los ainda melhores. No final, tudo acaba bem e ficamos com uma pilha de restos de folhas, resultado da manicure. Agora temos um suprimento de fumo e também de extrações e podemos fazer várias receitas com todas as partes da planta.

 

Parabéns, você já deu o primeiro passo e já sabe mais que a maioria das pessoas, você está mais perto de ter flores lindas, cheirosas e resinadas. Mas se você está comprometido em ser um grower de sucesso e ter um cultivo indoor cheio de buds resinados, veja essa oportunidade de você fazer parte da minha turma: Clique Aqui e Aproveite Essa Oportunidade de Ficar Livre do Prensado.

Se você chegou até aqui, é porque você está realmente interessado, então eu vou compartilhar com você 10 Segredos / Dicas para você plantar maconha…

10 Segredos Para Você Plantar a Sua Maconha

planta de maconha

 

Eu sempre quis saber como plantar maconha, e uma das referências que me ajudaram muito foras essa dicas que vou compartilhar com você, essas dicas são de Robert Bergmam, você pode conferir a postagem na integra no site ILOVEGROWINGMARIJUANA.COM 

Mas veja aqui as dicas…

 

 

1-Remova as folhas amarelas da sua Planta de Maconha

Uma vez que você aprendeu a plantar maconha e sua planta chegou no estágio de floração, a primeira coisa para acelerar o crescimento dos buds (flores) da planta é remover as folhas que morrem .

Essas folhas podem ser identificadas por sua cor amarelada. Elas são uma causa perdida, e elas estão usando a energia e os recursos da sua planta que podem ser focados em maconhas maiores e melhores (ou seja, os buds). Retire as folhas amareladas para conservar esses recursos.

Remova as folhas amarelas do fundo

Como plantar maconha

 

2- Plantar Maconha Com Os Melhores Nutrientes

Como plantar maconha
Planta saudável- 2 semana

Se você quer plantar maconha e que seus buds sejam grandes e suculentos, você vai ter que alimentar a planta de maconha com bons nutrientes. Especialmente durante a fase de floração do ciclo de vida da Maconha.

O nutriente mais importante dessa fase é o fósforo, então experimente uma mistura de 10% de nitrogênio, 30% de fósforo e 10% de potássio (comumente referido como NPK 10-30-10) de fertilizantes desenvolvidos para maconha. No final, seus buds podem precisar de um aumento de potássio extra.

Cuidado para não usar fertilizantes demais e deixar seu buds com gosto ruim.

Como plantar maconha é simples, logo logo você vai estar louco para colher Cannabis maiores e melhores. Lembre-se dessas dicas 😉

 

3- Plantar Maconha e o PH

Se você ainda não sabe como plantar maconha, talvez você não saiba que os nutrientes e o nível de pH andam de mãos dadas.

Isso ocorre porque o nível de pH do solo (ou qualquer outro meio que você está usando) nas raízes afetará a capacidade da sua planta de maconha absorver diferentes tipos de nutrientes. Muitas vezes, deficiência de nutrientes ou toxicidade é realmente causada por um desequilíbrio de pH.

Com os níveis de pH certos, você pode criar buds enormes. E com os níveis de pH errados, você pode arruinar seu rendimento. Então conheça seu pH …

Os principais nutrientes que a maconha usa para crescer são nitrogênio, fósforo e potássio. Durante a vegetação elas usam muito nitrogênio, primeiras semanas de floração muito fósforo e no final da floração muito potássio. Mas eles também usam muitos outros nutrientes, como ferro, zinco, cálcio e magnésio.

Cada nutriente se comporta de forma diferente quando está em um ambiente com um nível de pH diferente . Simplificando, o nível de pH decide como um nutriente ou qualquer composto químico “atuará”.

 

Baixe o Seu Guia de Cultivo

Insira o seu endereço de email abaixo para receber o seu Guia de Cultivo>

Níveis de pH errados criam deficiências nutricionais

Como plantar maconha

pH muito alto

 

 

Como plantar maconha

pH muito baixo

 

Em certos níveis de acidez(PH Baixo), certos elementos não podem ser absorvidos pelas raízes da planta de maconha. Se o nível de pH for muito baixo, por exemplo, sua planta de maconha não absorverá muito o magnésio. Portanto, mesmo se você estiver alimentando com muito magnésio suas plantas, elas ainda apresentarão sinais de uma deficiência de magnésio.

A Maioria dos cultivadores de maconha já passou por isso. Você, já?

Uma deficiência de magnésio inclui amarelamento de folhas e até clareamento, mas as velhas ainda serão de cor verde. O fornecimento de sua planta de maconha com mais magnésio não será suficiente, no entanto, uma vez que o nível de pH é realmente a causa. A chave, neste caso, é equilibrar o nível de pH ( no caso de uma deficiência de magnésio, aumentar o nível de pH) até que sua planta possa absorver nutrientes.

Se você cultiva no solo, você deve manter o nível de pH ao redor de 6. Para as plantas de maconha cultivadas em outros tipos de mídia, como lã de rocha ou outras configurações hidropônicas, mantenha o nível de pH em 5,5.

 

4-Quanta luz é preciso para plantar maconha?

Como plantar maconha

Uma das maneiras mais infalíveis de aumentar o crescimento do seus buds de maconha é aumentando a intensidade da luz que está atingindo suas plantas. A luz é o que ajuda as plantas de maconha a absorver dióxido de carbono (CO2) e converter esse dióxido de carbono em açúcares úteis.

Quando se trata de plantar maconha, mais luz é quase sempre melhor. As plantas que não estão recebendo luz suficiente não crescerão tão rápido, ou podem até se esticar em plantas altas e finas que estão “esticando” para se aproximarem da luz solar. Essas plantas nunca serão capazes de produzir enormes buds.

As luzes LED não são conhecidas por seus altos rendimentos

Se sua planta já cresceu irregular por causa falta iluminação durante seu estado vegetativo, será difícil distribuir de maneira uniforme e efetiva a luz. Os próprios buds devem ter exposição direta à luz para obter melhores resultados.

Nota: Se você é um cultivador indoor, experimente mover as luzes mais perto de suas plantas, desde que as temperaturas não excedam 30 graus. Isso aumentará significativamente o seu rendimento

De um modo geral, as lâmpadas HPS são as melhores lâmpadas para uma operação de cultivo indoor. Porém leds são mais indicados para os cultivadores que estão começando, por ter a grande vantagem de não produzir calor em grandes quantidades.

 

5-Dióxido de carbono

 

Imagine o quanto você ama a comida. Isso é o quanto suas plantas de maconha adoram o dióxido de carbono. O dióxido de carbono é vital para a floração e crescimento da sua planta de maconha no cultivo indoor (e qualquer planta). Em geral, quanto mais dióxido de carbono, melhor.

Se você aumentar a quantidade de CO2 que a sua planta está recebendo, você estará essencialmente “alimentando” mais, permitindo que seu crescimento seja acelerado ainda mais e obtenha maiores buds. A adição de CO2 complementa bem o aumento da intensidade da luz, uma vez que basicamente está expandindo a capacidade da sua planta de usar luz.

como plantar maconha

Cresça monstros com CO2

Entre 350 e 400 ppm de dióxido de carbono é padrão no ar. A planta de maconha usará esse dióxido de carbono e o combinará com energia da luz, para criar os açúcares necessários para crescer.

Se o nível de dióxido de carbono começar a cair, a produção de açúcar em suas plantas de maconha também começará a diminuir. É por isso que a ventilação é tão importante – sempre deve haver uma entrada (de ar) de dióxido de carbono fresco.

Nota: o CO2 sozinho não aumentará o rendimento . Isso também impedirá que sua planta tenha muita luz, uma vez que o CO2 adicionado aumentará sua capacidade de luz.

As plantas de maconha que têm acesso entre 350 e 400 ppm de dióxido de carbono não produzirão muito mais açúcares do que é possível com uma lâmpada HPS de 600 watts. Portanto, manter o nível de dióxido de carbono igual, mas aumentar a potência da luz que você usa terá pouco efeito. No entanto, o aumento dos níveis de dióxido de carbono, ao mesmo tempo que aumenta a luz, ajudará suas plantas de maconha a ser muito mais produtivas – esperam quase dupla produtividade.

Isso pode ser um esforço caro com todo o equipamento que é necessário, mas quando seu rendimento é muito maior, certamente pode valer a pena o problema e o dinheiro extra que ele custa.

Embora seja bastante complicado alcançar o limiar de luz, esta é mais uma maneira de aumentar a velocidade de crescimento da sua planta. Se você decidir usarr CO2 extra em sua estufa de cultivo, certifique-se de vedá-la corretamente – embora isso faça maravilhas para as plantas, altos níveis de CO2 podem ser muito perigosos para os seres humanos.

Nota: Apenas em cultivos com lâmpadas acima de 600w precisam adicionar CO2. E lâmpadas acima de 600w não aproveitam o seu potencial, sem o CO2 adicional 

6-Níveis de temperatura e umidade para plantar maconha

planta de maconha

A temperatura e a umidade precisam estar no nível certo para que suas plantas atinjam seu maior potencial de floração. Se a temperatura for muito alta, seus buds não terão um aroma tão potente.

COMO PLANTAR MACONHA? Baixe nosso Guia e veja o passo a passo:

Baixe o Seu Guia de Cultivo

Insira o seu endereço de email abaixo para receber o seu Guia de Cultivo>

 

Quando a luz está ligada, uma temperatura ideal para clones e mudas é entre 20ºC e 25ºC. À medida que as plantas envelhecem, elas podem aguentar um pouco mais e a temperatura pode aumentar até um máximo de 29ºC.

Quando as luzes estão desligadas, a temperatura deve situar-se entre 15ºC e 22ºC. Outra regra importante é que as diferenças de temperatura entre o dia e a noite não podem ser muito altas, uma diferença máxima de 10ºC. Assim, quando é 28ºC durante o dia, não pode ir abaixo de 18ºC à noite. Uma diferença de temperatura de 5ºC é ideal.

Estes são os melhores níveis de umidade para plantar maconha e crescer os buds :

Veg semana 1: 70%

Veg semana 2: 70%

Semana de floração 1: 65%

Semana de floração 2: 60%

Semana de floração 3: 55%

Semana de floração 4: 50%

Semana de floração 5: 50%

Semana de floração 6: 45%

Semana de floração 7: 45%

Semana de floração 8: 40%

Semana de floração 9: 40%

Controlar a temperatura pode significar controlar a quantidade de potência e cheiro de seus buds – quando feito corretamente. Certifique-se de prestar atenção especial à temperatura da sua estufa de cultivo ao longo de todo o seu ciclo de vida . Se você fizer isso, os resultados serão definitivamente do seu agrado.

7-O fator limitante

 

como plantar maconha

Se todos os fatores acima estiverem perfeitamente presentes, suas plantas de maconha crescerão o maior possível. Mas sempre há um fator limitante. Este é o fator do qual o valor está mais longe do valor ótimo.

Digamos que você tenha uma lâmpada de 250 watts, há suficiente CO2 na sala (350pp, assim como fora) e a planta recebe água e nutrientes suficientes. A luz será então o fator limitante. Porque se você usar uma lâmpada de 400 watts nessas circunstâncias, você quase pode dobrar seu rendimento. E você pode colher ainda mais com uma lâmpada de 600 watts.

Mas se você usar uma lâmpada de 1000 watts, a planta precisará de mais CO2 do que o ar padrão pode fornecer, fazendo com que o CO2 se torne o fator limitante. A planta não pode converter toda a energia da lâmpada, porque precisa de mais CO2 para fazê-lo. É assim que todos os fatores estão conectados e influenciam o funcionamento de uma planta.

Dependendo do estágio em que a planta está, esses valores diferem ligeiramente, mas em geral, esses são os valores perfeitos para você aprender como plantar maconha:

Luz: 600 watts por 1 metro quadrados

CO2: 350 ppm

Água: conforme necessário *

CE: entre 1,0 e 2,0

pH: 6

Temperatura: 23ºC

Umidade: 50-60%

* Estes valores dependem do estágio em que as plantas estão. As mudas não podem usar tantos nutrientes como plantas mais antigas, e eles vão evaporar mais e mais água à medida que crescem, então você terá que regá-las mais.

8-Truques de poda para aumentar os buds

A poda é sempre feita por fazendeiros de tomate para aumentar o rendimento. Os pequenos rebentos entre os ramos e o tronco são removidos para que toda a energia seja usada para maximizar a produção de frutos.

Mas também para plantar maconha é muito eficaz remover esses brotos inúteis para que a planta possa desenvolver buds maiores. Usando esta técnica você receberá alguns grandes, duros e pesados ​​buds em vez de muitos mais pequenos.

Como plantar maconhaBrotos inúteis

 

como plantar maconhaPode ser podado

 

Como plantar maconhaPara criar grandes buds

 

A poda é feita principalmente por produtores de cannabis profissionais que querem produzir a quantidade máxima de erva por pé quadrado. Porque não há energia desperdiçada nos pequenos buds e nas folhas pequenas, os melhores serão maiores e mais pesados. As principais flores também receberão mais luz porque estão todas na mesma altura.

Antes e depois da poda de brotos inferiores inúteis

como plantar maconha

A poda só deve ser feita durante o estágio da vegetação porque a planta precisa de tempo para se recuperar e crescer folhas grandes. Espere pelo menos 3 dias após a poda antes de forçá-las para a florir. Certifique-se de que suas plantas de maconha estejam crescendo novamente e evaporem bastante água.

8- Quando colher a sua planta de Maconha

Em última análise, um dos fatores mais importantes para ter os maiores e mais potentes buds possíveis é colher no momento certo. Você precisa ter certeza de que deixou seus buds se tornarem tão maduros quanto possível antes da colheita.

Às vezes, a quantidade de crescimento em duas ou três semanas finais de um bud pode ser tanto quanto um aumento de 25%. Em outras palavras, ao colher muito cedo você poderia sacrificar uma grande quantidade de flores.

Como plantar maconha

Colher no momento certo

Em geral, o melhor momento para a colheita cai dentro de uma janela de duas ou três semanas. A colheita antes desta janela de tempo reduziria muito o seu rendimento geral e resultará em uma maconha menos potente.

O tempo de colheita afeta o sabor, cheiro e peso de seus buds

omo plantar maconha

0-49% dos pistilos castanhos/marrons/alaranjados – Ainda não está pronto

como plantar maconha

50-70% dos pistilos castanhos – Prontos para a colheita, mas ainda é um pouco cedo. Sabor leve e suave. Peso máximo ainda não alcançado

como plantar maconha

70-90% dos pistilos são castanhos – Prontos para a colheita. O sabor e o efeito estão no seu auge. Você atingiu o peso máximo

Como plantar maconha

90-100% dos pistilos castanhos – Quase muito tarde para a colheita. O gosto é pesado e o efeito é narcótico. Colha imediatamente e não espere mais

Você também pode escolher colher um pouco mais cedo ou mais tarde de acordo com o tipo de efeito que você gostaria de alcançar. As colheitas adiantadas  geralmente tem um efeito mais energético, enquanto as colheitas mais tardias acabam com um efeito muito relaxante.

 

Colher olhando tricomas

como plantar maconha

Tricomas claros – não está pronto

Como plantar maconha

Tricomas Leitosos – quase prontos

como plantar maconha

Tricomas âmbar (marrons)- prontos para a colheita

 

Os tricomas têm o bônus adicional de servir como protetores das plantas de maconha, especificamente contra doenças e pragas. Isto é devido à camada grossa e pegajosa que se forma em torno dos buds de maconha. Também pode manter seus buds seguros contra o vento, luz UV e água quando necessário.

Devido a essa característica protetora, mais tricomas são produzidos em tempos de estresse. Portanto, induzir uma certa quantidade de estresse pode ter efeitos incríveis em suas plantas de maconha. Outras técnicas conhecidas estão usando água gelada ou mantêm suas plantas no escuro durante 48 horas, logo antes da colheita, na tentativa de obter mais tricomas para serem produzidos.

 

10-A melhor genética

como plantar maconha

Mais uma vez, a genética é tudo. Não importa o que você faça para aumentar o rendimento, uma genética pobre evitará uma boa colheita. Se você escolheu sementes de maconha com boa genética , ficará satisfeito com o resultado final dos seus buds.

Você quer ser um cultivador dedo verde? Descubra COMO PLANTAR MACONHA EM UM CULTIVO INDOOR, é só clicar aqui

 

Até Mais! Forte Abraço!

 

Veja nosso vídeo no Youtube, COMO PLANTAR MACONHA SEM DINHEIRO?