Maconha e o Efeito Entourage

Tempo de leitura: 6 minutos

Maconha e o efeito entourage

O efeito entourage é o efeito combinado dos diferentes compostos da maconha.

A maconha contém mais de 113 canabinóides , mais de 200 terpenos e centenas de outros compostos químicos. Estes compostos trabalham em conjunto para produzir um efeito sinérgico conhecido como o efeito entourage.

A pesquisa inicial sobre a maconha focou apenas no THC. Mas com o tempo, ficou claro que os outros componentes da maconha também são importantes. A pesquisa também mostra que a cannabis planta inteira afeta as pessoas de forma diferente do THC puro.

O canabinóide CBD tem uma sinergia bem documentada com o THC, reduzindo seus efeitos negativos e ampliando seus benefícios. Outros canabinóides, assim como muitos terpenos da maconha, também contribuem para o efeito de entourage.

Como resultado da pesquisa sobre o efeito entourage, muitas pessoas acreditam que a “planta inteira” é superior aos extratos de cannabis, como THC puro ou CBD puro.

O que é o efeito entourage?

O efeito entourage referese ao efeito combinado dos canabinóides, terpenos e outros compostos químicos na maconha. Esses compostos trabalham juntos para produzir um efeito maior do que a soma de suas partes.

Uma “entourage”(comitiva) é um grupo de pessoas que cercam e apóiam outra pessoa, e a metáfora faz sentido para o efeito entourage.

Um estudo de 1981 descobriu que extratos vegetais inteiros produziram 330% mais atividade do que o THC sozinho. Os pesquisadores levantaram a hipótese de que a cannabis contém compostos “sinergistas” e “inibidores”.

Desde então, os cientistas determinaram que os canabinóides e terpenos são responsáveis ​​por esses efeitos. Por exemplo, os canabinóides, como o CBD, podem subjugar os efeitos negativos do THC, ao mesmo tempo em que aumentam seus benefícios.

Terpenos são compostos perfumados encontrados na maconha que também são pensados ​​para desempenhar um papel no efeito entourage.

Muitas pessoas tomam isso como evidência de que “toda a planta medicinal” é superior a extratos que se concentram em um ou dois compostos.

O que são terpenos?

(Foto: Shutterstock)

Os terpenos são compostos que contribuem para o sabor e aroma da maconha. Os terpenos podem alterar a forma como os canabinóides se ligam aos seus receptores, alterando assim os seus efeitos.

Curiosamente, terpenos e canabinóides compartilham um precursor químico, indicando que são quimicamente similares. Isso pode ajudar a explicar por que eles trabalham juntos tão bem.

Não só os terpenos podem afetar a maconha, eles também têm efeitos em si mesmos. De acordo com um artigo de 2011 do Dr. Ethan Russo, estudos mostram que a inalação de terpenos em concentrações semelhantes às da maconha leva a “efeitos profundos sobre os níveis de atividade, sugerindo um efeito farmacológico direto no cérebro”.

Terpenos têm uma ampla gama de efeitos, incluindo sedação, alívio da dor, efeitos antibacterianos, anti-inflamatórios, antidepressivos e anti-ansiedade.

Além desses efeitos, os terpenos também agem em sintonia com os canabinóides, alterando a forma como são experimentados.

Em seu artigo, o Dr. Russo identificou três “sinergias” entre terpenos e canabinóides. Evidências sugerem que canabinóides e terpenos podem trabalhar juntos em sinergia para tratar acne, infecções por MRSA e doenças psiquiátricas.

Muito mais pesquisas são necessárias para determinar o papel exato dos terpenos no efeito entourage.

A interação do THC e da CBD

O THC e o CBD são os dois principais canabinóides da maconha. Eles compartilham uma sinergia especial que contribui para o efeito entourage.

Acredita- se que o CBD bloqueie muitos dos efeitos negativos do THC – incluindo taquicardia, intoxicação e sedação – enquanto potencializa muitos de seus benefícios. Também contribui com seus próprios benefícios médicos.

Esta é a razão pela qual as empresas farmacêuticas se concentraram nos últimos anos em produtos contendo THC e CBD, como o Sativex, em oposição àqueles contendo apenas THC, como o Marinol.

Em 2011, os pesquisadores entrevistaram 953 participantes sobre seus medicamentos baseados em maconha medicinal. Os pesquisadores descobriram que 98,2% dos entrevistados preferiam cannabis natural ao invés de Marinol.

O CBD também reduz os efeitos psicoativos que o THC causa. Em um estudo de 1976 , os pesquisadores administraram THC e uma grande dose de CBD. 11 de 15 indivíduos sentiram que ficaram mais chapados quando recebiam apenas THC, sugerindo que o CBD pode reduzir os efeitos psicoativos do THC.

O CBD tem esses efeitos porque altera a maneira como o THC atua no corpo. O CBD pode ligar-se a diferentes locais nos receptores de canabinóides e mudar a sua capacidade de resposta ao THC. Outros canabinóides, como o CBN, o CBG e o CBC, também podem afetar os efeitos do THC de maneira única.

Entendendo as cepas

(Foto: Shutterstock)

O efeito de entourage nos ajuda a entender por que certas variedades de maconha podem afetar as pessoas de maneira diferente.

A maconha vem em milhares de diferentes variedades . Diferentes cepas de maconha têm perfis químicos muito diferentes, que causam experiências diferentes na mesma pessoa.

Isso explica por que às vezes a maconha pode fazer com que a pessoa se sinta calma, enquanto outras vezes pode fazer com que a mesma pessoa se sinta ansiosa ou paranóica.

Cada cepa de maconha contém um perfil único de centenas de canabinóides e terpenos, que atuam juntos para produzir os efeitos da planta.

Isso significa que, se você alterar a receita de uma variedade de maconha, também mudará os efeitos.

No futuro, os perfis de terpenos e outras técnicas de perfis químicos podem ajudar os usuários de maconha a fazer escolhas mais informadas sobre suas variedades.

Conclusão

A maconha contém centenas de compostos químicos, incluindo canabinóides e terpenos. Esses compostos atuam juntos para produzir benefícios mais fortes do que separadamente.

O THC e o CBD têm uma sinergia bem estabelecida e os pesquisadores estão aprendendo mais sobre o papel de outros canabinóides no efeito entourage. Os terpenos também contribuem para muitos dos benefícios do efeito entourage.

O efeito entourage apoia a ideia de que a fitoterapia inteira é superior a extratos puros. No futuro, o perfil químico pode ajudar médicos e pacientes a encontrar cepas de maconha que produzam os melhores benefícios.

Você gostou? Compartilhe 😉

 

Texto original: Leaf Science

Tradução: Plantandobem.com.br